AS DUAS PENHAS

SANTUÁRIO DE NOSSA SENHORA DA PENHA -RIO DE JANEIRO

Por Bruno Dantas

Para quem chega ao Rio de Janeiro, quer pela Avenida Brasil ou pela linha vermelha, é impossível não ver, no alto de um enorme penhasco, o Santuário de Nossa Senhora da Penha. Localizado em uma enorme e belíssima área verde, logo na entrada da cidade, no bairro da Freguesia de Irajá, o Santuário é considerado um dos principais monumentos religiosos do Estado.
Sua origem remonta ao início do século XVII, por volta de 1635, quando o Capitão Baltazar de Abreu Cardoso, que era o proprietário de toda a área no entorno do atual Santuário, mandou construir no alto do penhasco uma pequena capela, onde colocou uma imagem de Nossa Senhora, em agradecimento por uma graça recebida. Conta a lenda que um dia passeando por suas terras, o Capitão se deparou, ao pé do penhasco, com uma enorme serpente, pronta para atacá-lo. O Capitão era devoto de Nossa Senhora e pediu sua ajuda, surgindo nesse preciso momento um lagarto inimigo das serpentes, travando-se uma luta mortífera entre os dois animais, possibilitando a fuga do capitão. Assim, reconhecendo que foi salvo graças ao pedido de proteção a Virgem Mãe, mandou edificar a capela.
O Santuário da Penha conta com uma grande infra-estrutura para acolher todos os fiéis, romeiros ou mesmo simples turistas, que visitam o local em grande número durante o ano inteiro. Além da igreja no alto do penhasco, fazem parte do conjunto mais uma igreja, uma lanchonete, sanitários, uma loja de artigos religiosos, um museu, Sala dos Milagres, infelizmente aberta junto com o museu somente aos domingos, e uma concha acústica para eventos.
Para aqueles que não desejam subir os 382 degraus da escadaria principal, o acesso pode ser feito através de um novíssimo bondinho teleférico, com capacidade para transportar cerca de 500 pessoas por hora.

CONVENTO DE NOSSA SENHORA DA PENHA – ESPÍRITO SANTO

O Convento de Nossa Senhora da Penha, em Vila Velha, é um dos santuários mais antigos do Brasil e uma das mais belas obras arquitetônicas do período colonial, sendo o mais notável monumento religioso do Estado do Espírito Santo. Situado no alto de um morro de 154 metros de altura, no bairro da Prainha, o Convento tem uma vista deslumbrante, tendo de um lado a cidade de Vila Velha e do outro a cidade de Vitória, com o oceano Atlântico ao fundo.
A origem do Convento da Penha data de 1558, ano da chegada em Vila Velha do Frei Pedro Palácios, frei franciscano espanhol, que veio para o Brasil com os portugueses. Frei Pedro não construiu propriamente o convento, no início morava numa gruta, ao pé do morro. Pouco tempo depois, edificou uma ermitã dedicada a São Francisco de Assis num largo, em cima do morro, ao pé de uma rocha, onde colocou um painel de Nossa Senhora dos Prazeres que trouxe de Portugal. Em 1568, Frei Pedro mandou edificar uma capela no cume da rocha, onde colocou no altar uma imagem de Nossa Senhora da Penha, encomendada de Portugal. Esta capela foi o embrião do atual convento, sendo ampliada e reformada até se tornar o monumento que é hoje. Em 1644, construíram o corpo da Igreja, transformando a capela existente em capela-mor e no ano de 1651 deu-se início à construção do convento.
O Convento da Penha é a parte principal de um conjunto formado pela Ladeira das Sete Voltas (ou Ladeira da Penitência), Capela de São Francisco, gruta de Frei Pedro Palácios, oratório de Nossa Senhora da Penha, pelas ruínas das casas dos escravos, pelo Museu, Sala dos Milagres, além de contar com lanchonete e loja de lembranças de artigos religiosos em geral. A função do convento continua sendo religiosa, mantendo-se a celebração de missas, mas o Santuário recebe também grande número de romeiros e turistas o ano inteiro.

Sobre projetoexvotosdobrasil

Coordenador do Projeto Ex-votos do Brasil.
Esse post foi publicado em Santuários SE. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s